ASSOCIE-SE

Associe-se e desfrute de muitas vantagens

CLIQUE AQUI

Entre em contato 51 3268-1611

A+ A-

27/06/2019

Câmara de Novo Hamburgo aprova por unanimidade moção idealizada em seminário da APCEF/RS

Em seminário da campanha, em março, decidiu-se pela apresentação da moção

A Câmara de Vereadores de Novo Hamburgo aprovou por unanimidade uma moção em defesa dos bancos públicos brasileiros que será enviada à Presidência da República, ao Ministério da Economia e à presidência do Banco Central. Votada na semana passada, a moção foi idealizada na etapa hamburguense da campanha Em Defesa do Bem Comum, realizada pela APCEF/RS no final de março deste ano.

No texto da moção, apresentada pelo vereador proponente Enio Brizola (PT), o papel de instituições financeiras públicas como a Caixa, o Banco do Brasil e o Banrisul é apresentado como imprescindível durante períodos de recessão, implementando políticas anticíclicas – isto é, para reverter os efeitos das crises econômicas.

O papel da Caixa como financiadora do setor habitacional no país também é lembrado. Hoje, o banco público é responsável por 60% desse mercado. “Necessitamos financiamentos, incentivos, distribuição de renda, e bancos públicos fortes são imprescindíveis para alcançarmos esse ideal”, justificou o parlamentar, citando também áreas como saneamento, infraestrutura, assistência social, agricultura, educação, esporte e cultura – que seriam também duramente afetadas na possibilidade de privatização da instituição.

Na edição de Novo Hamburgo da campanha realizada pela APCEF, que já levou o debate a sete câmaras municipais no Rio Grande do Sul, o objetivo foi relacionar a discussão contemporânea sobre Direitos Humanos com o papel dos bancos públicos no Brasil. A defensora pública Mariana Py Cappellari e a diretora da Fetrafi-RS Cristiana Garbinatto compuseram a mesa, mediada pelo diretor de Formação para o Bem Comum da APCEF, Marcos Todt. O vereador Brizola, único parlamentar presente na ocasião – embora a Associação tenha aberto o convite a toda a Câmara – havia, no evento, se comprometido com a apresentação da moção.

Brizola, no texto da moção, diz que a Caixa tem “números impressionantes e um quadro de trabalhadores comprometidos com a sua missão”. “É atualmente o maior banco brasileiro em número de clientes (93 milhões), responsável por 37% da poupança nacional e 60% do crédito habitacional.

“A sociedade brasileira precisa defender essas instituições contra o desmonte e, em última instância, venda dos bancos públicos. Necessitamos de financiamentos, incentivos, distribuição de renda, e bancos públicos fortes são imprescindíveis para alcançarmos esse ideal”, argumenta.

Leia aqui o texto completo da Moção nº10/2019.

Antes disso, o diretor Marcos Todt havia participado também da Tribuna Popular do legislativo hamburguense, para falar sobre a defesa do Bem Comum e para divulgar o seminário. A APCEF/RS já realizou, desde 2017, eventos também nas Câmaras Municipais de Porto Alegre, Passo Fundo, Erechim, Uruguaiana, Tramandaí e Santo Ângelo.

Em seminário da campanha, em março, decidiu-se pela apresentação da moção

Últimas Notícias


Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal do Rio Grande do Sul
Gestão CORAGEM PARA CONSTRUIR O BEM COMUM 2018/2021
Avenida Coronel Marcos, 851, Ipanema, Porto Alegre / RS | CEP 91760-000
Telefone: (51) 3268-1611 | Fax: (51) 3268-2700