ASSOCIE-SE

Associe-se e desfrute de muitas vantagens

CLIQUE AQUI

Entre em contato 51 3268-1611

A+ A-

29/11/2019

Em contexto nacional de desvalorização, Noite Cultural reforça a importância da arte

A Noite Cultural, atividade de um dos grandes pilares de atuaçãoo da APCEF, celebrou, na quarta-feira (27), a diversidade da arte. Mais uma vez maravilhou o público que compareceu ao Ginásio de Esportes da entidade, na Zona Sul da Capital, para assistir às apresentações das atividades artísticas como o Grupo de Teatro Caixa de Pandora, o Coral APCEF, as oficinas de escrita literária, a Confraria Astronômica Caixa de Joias, o Núcleo de Cultura Gaúcha e uma amostra da Tertúlia Bancária. Além disso, o evento entregou os trofeus  da etapa estadual do Talentos Fenae/Apcef.

Noite Cultural 2019

“Infelizmente, no nosso país, estamos vivendo um processo de desvalorização e hostilização da cultura. Assistimos à extinção do Ministério da Cultura e atos de censura contra artistas. Já não chega a falta de patrocínio e incentivo por parte do governo, ainda temos as dificuldades de acesso das pessoas que moram distante dos grandes centros, aos projetos culturais”, avaliou a diretora Diva Maria Fernandes.

A Noite Cultural, por outro lado, é uma mostra do quanto a APCEF investe nas atividades culturais. “Oportunizando o acesso a projetos de literatura, música, artes cênicas, tradicionalismo, oficinas culturais, astronomia, tudo para oferecer momentos de aprendizado, confraternização e de descobertas individuais no coletivo”, afirmou.

Noite Cultural 2019

Neste ano, a APCEF lançou uma obra que fecha uma trilogia sobre o meio ambiente. LUTZ - A história da vida de José Lutzenberger, o grande ambientalista do Brasil - Die Lebensgeschichte von José Lutzenberger, des grossen Umwetschützers Brasiliens foi produzido pela oficina de escrita criativa que teve na Noite Cultural a sua formatura. Escritoras e escritores foram homenageadas/os e o livro foi definido pelo mestre e escritor Alcy Cheuiche como “a mais fantástica experiência literárias da minha vida” e como “o mais importante lançamento da Feira do Livro de Porto Alegre em 2019”. Além disso, alunas e alunos da oficina de Poesia e Declamação, em andamento, declamaram poemas escritos a partir da atividade.

Noite Cultural 2019

O Coral APCEF, já nos seus 26 anos de atividade, apresentou-se em seguida, com 18 cantores e cantoras entre sopranos, contraltos, tenores e baixos. Regido pelo maestro João Araújo, coralistas executaram cinco músicas: Sapato Vermelho, Bohemian Rhapsody, Adeste Fidélis, Ó Noite Santa e Isto aqui o que é.

Noite Cultural 2019

O vice-presidente da APCEF Paulo Belotto e o diretor Ricardo Hubba apresentaram os trabalhos realizados pela Confraria Astronômica Caixa de Joias no Observatório Astronômico instalado no Espaço Bem Viver São Francisco de Paula. A astronomia – caracterizada por eles como “experiência de humildade e criadora de caráter”, citando o astrofísico Carl Sagan – foi apresentada a partir de uma fala de Sagan a respeito do “Pálido Ponto Azul”: uma fotografia da Terra tirada em 14 de fevereiro de 1990 pela sonda Voyager 1, de uma distância de seis bilhões de quilômetros, na qual nosso planeta aparece como um diminuto pixel na imensidão do espaço.

Noite Cultural 2019

O Núcleo de Cultura Gaúcha, depois da declamacao do poema gaúcho Certas Coisas, de Silvio Genro pelo associado Anacleto Marchi, apresentou-se com coreografias tradicionais como Chico Sapateado, Havanera Marcada e Pau de Fita. Com música do afinado grupo Canto À Terra, mais uma vez o Núcleo chamou o público para fazer a dança do Pezinho, momento em que muitas pessoas ocuparam o salão.

Noite Cultural 2019

O associado Bernardo Dresch, um veterano da Tertúlia Bancária, apresentou-se em seguida. Apesar de normalmente tocar e cantar com banda completa, ele preparou um pocket show para a Noite Cultural, executando canções próprias e Jorge Maravilha, de Chico Buarque, em um set minimalista, apenas com sua guitarra semi-acústica.

Noite Cultural 2019

Para a Noite Cultural, o Grupo de Teatro Caixa de Pandora preparou uma apresentação especial. Ao encerrar o ano no qual a peça O Carnaval É Nosso foi novamente exibida, o coletivo apresentou uma versão natalina do espetáculo. Se em O Carnaval É Nosso uma comunidade periférica resiste à especulação imobiliária através da mobilização carnavalesca, na esquete apresentada é a festa de Natal que se torna o mote da reunião das personagens. O texto final é do associado Paulo Caetano, que também atua no grupo, e a direção é da dramaturga Sandra Loureiro.

Noite Cultural 2019

A entrega de troféus para os três primeiros classificados de cada um dos pilares na etapa estadual dos Talentos FENAE/APCEF 2019 foi o momento seguinte da Noite Cultural. As categorias de fotografia, cinema, desenho e pintura, desenho infantil, crônicas e contos e poesias foram exemplares a respeito da arte produzida por associados/as e dependentes. Florianópolis, de 4 a 7 de dezembro, recebe a etapa final com a presença dos classificados em primeiro lugar em cada estado nas diversas modalidades.

Noite Cultural 2019

O Caixa de Pandora fechou a Noite Cultural com animação, ao executar o musical que encerra a peça A Última Gota, apresentada novamente em 2019.

Últimas Notícias


Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal do Rio Grande do Sul
Gestão CORAGEM PARA CONSTRUIR O BEM COMUM 2018/2021
Avenida Coronel Marcos, 851, Ipanema, Porto Alegre / RS | CEP 91760-000
Telefone: (51) 3268-1611 | Fax: (51) 3268-2700