ASSOCIE-SE

Associe-se e desfrute de muitas vantagens

CLIQUE AQUI

Entre em contato 51 3268-1611

A+ A-

08/02/2021

Funcef, balanço de 2020: Contabilizar a VALE pelo que ela vale

Carta enviada à Funcef

Depois de lançar um abaixo-assinado virtual, a Diretoria da APCEF/RS enviou, na sexta-feira (5), correspondência para a Diretoria Executiva e para o Conselho Deliberativo da Funcef a respeito da precificação das ações da Vale no exercício do ano 2020. O objetivo é que a Fundação dos Economiários Federais, ao apurar o real valor do investimento, tenha um melhor resultado nas contas do ano passado – o que tem  um importante impacto para a redução dos déficits existentes de exercícios passados.

A Associação solicita que a Funcef considere a precificação pelo valor da ação do último dia do exercício fiscal de 2020 de funcionamento da Bolsa de Valores de São Paulo. A metodologia utilizada pela Fundação, entretanto, leva em conta o preço das ações por uma média dos três últimos meses do ano – o que difere da prática adotada por fundos de pensão como Previ e Petros, para precificar as ações da Vale. Inexplicavelmente a Funcef penaliza participantes quando o resultado é positivo, o que contraria a lógica dos investimentos em renda variável.

“A APCEF/RS entende que existam dois critérios essencialmente técnicos para apuração do valor de investimento na Vale: o primeiro é a cotação diária do valor da ação na Bolsa de Valores; o segundo é a avaliação econômica por empresa especializada e de reconhecimento técnico no mercado, com apresentação dos diversos cenários propostos e projetados por seus avaliadores – cenários pessimista, realista e otimista – cabendo à Diretoria e ao Conselho Deliberativo definir o cenário mais adequado para a preservação do patrimônio da Fundação”, diz a carta.

A contribuição extraordinária cobrada de participantes e assistidos/as nos últimos anos ensejou à Fundação, no exercício de 2019, uma arrecadação na ordem de 4,99 bilhões de reais, enquanto o pagamento de benefícios atingiu o montante de 4,29 bilhões. Seria isso uma das razões para a Funcef continuar penalizando participantes ao se negar a fazer a revisão dos prazos do equacionamento?

“É hora de mostrar que participantes e assistidos/as são a finalidade de existência da Funcef.  O equacionamento para pessoas aposentadas e pensionistas tem um impacto significativo e atinge as pessoas mais idosas e doentes de forma ainda mais cruel. Quando os impactos são positivos, é seu direito usufruí-los”, argumenta a APCEF/RS.

Leia a correspondência remetida para a FUNCEF aqui.

A Associação tem um abaixo-assinado público com o objetivo de exigir que a Funcef faça a contabilização das ações da Vale pelo valor da cotação no dia 31 dezembro de 2020. Assine-o e divulgue nas suas redes aqui.

Últimas Notícias


Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal do Rio Grande do Sul
Gestão CORAGEM PARA CONSTRUIR O BEM COMUM 2018/2021
Avenida Coronel Marcos, 851, Ipanema, Porto Alegre / RS | CEP 91760-000
Telefone: (51) 3268-1611 | Fax: (51) 3268-2700